• Daeb inicia obra histórica de esgoto pluvial no bairro Bonito

    Publicado em: 04/07/2018 13:15
                  O Departamento de Água, Arroios e Esgoto de Bagé (Daeb) está começando uma extensa obra de esgoto pluvial para resolver o problema de alagamento no bairro Bonito. A iniciativa, aguardada há 40 anos pelos moradores, tem como objetivo evitar o acúmulo da água da chuva, principalmente na Rua Doutor Mário Araújo, que historicamente sofre quando há fortes precipitações. Esta é a maior obra de pluvial desde que a autarquia assumiu esta área do saneamento, no início do ano passado.  

    “Há anos luto por esta obra. Quando chove é um horror, a água de todas as ruas desemboca aqui, porque é mais baixo o terreno. Muitas vezes entrou água na minha casa e estragou os móveis, que tive que colocar fora. A parte de baixo do fogão está toda danificada”, afirma Zoila Mara de Barros Duarte, moradora do bairro há 59 anos. Ela conta que sempre que mudava o governo procurava a prefeitura para uma solução. “O Prefeito Divaldo veio aqui, em dia de chuva, e se comprometeu conosco. Estou muito feliz que esta obra está saindo”, relata.

    Serão implantados 1.660 metros de bueiros, em seis ruas do bairro: Barão do Itapevi, Senador Alberto Pasqualini, Doutor Mário Araújo, Salim Kalil, João Batista Fico e Rua 40. Além da colocação de bueiros de 600 e de 900 mm, serão construídas e reformadas 43 caixas coletoras de pluvial e quatro Poços de Visita (PVs).

    “Estamos realizando uma obra histórica, muito esperada por este bairro. Tudo será realizado com mão de obra e recursos próprios do Daeb. Nossos esforços estão todos voltados para resolver este grande problema que afeta a vida de muitas famílias”, diz o diretor do Daeb Volmir Silveira. Ele ressalta que toda a água pluvial do bairro Bonito tinha uma única saída, o que ocasionava os alagamentos. Agora, serão duas, o que facilitará o escoamento.

    A ação faz parte do Programa de Combate a Alagamentos (PCA), criado pelo Governo Municipal para sanar problemas de enchentes em regiões vulneráveis da cidade. Desde o início do projeto, já foram implantados mais de 8 km de bueiros na cidade.

     

    Transtornos

    O Daeb ressalta que a obra é muito grande e complexa, portanto, tem a previsão de durar cerca de dois meses. Assim, desde já a autarquia pede compreensão dos moradores pelos transtornos, principalmente das ruas que serão interrompidas. A Rua Barão do Itapevi, na altura do bairro Santa Flora, já está parcialmente bloqueada.